ABSCESSO

Acúmulo de pus no interior de um tecido ou órgão, provocado por infecção bacteriana.

ACIDENTE VASCULAR CEREBRAL

Erroneamente conhecido pelo termo popular derrame, é também identificado pela sigla AVC. É provocado pelo rompimento de vasos cerebrais e hemorragia, embolia ou trombose.

ACIDENTE VASCULAR CEREBRAL HEMORRÁGICO

AVC causado pelo rompimento de um vaso sanguíneo e consequente hemorragia.

ACIDENTE VASCULAR CEREBRAL ISQUÊMICO

AVC provocado por uma isquemia.

ACIDOSE

Distúrbio do equilíbrio ácido-alcalino do organismo, que leva à diminuição do pH sanguíneo, ou seja, que torna o sangue mais ácido do que o normal.

ACRÔMIO

Protuberância óssea achatada que se articula com a clavícula.

ACROMIOCLAVICULAR

Articulação entre o acrômio e a clavícula.

AFEBRIL

Sem febre.

AFECÇÃO

Doença.

AGENESIA

Ausência de determinado órgão devido a problemas em sua formação.

AGUDO(A)

Manifestação repentina e pronunciada dos sintomas de uma doença, acompanhada de evolução rápida.

ALIMENTAÇÃO PARENTERAL

A alimentação que se faz por outra via que não a habitual. Por exemplo: intravenosa.

ALTERAÇÃO DA PERMEABILIDADE CAPILAR PULMONAR

Diz-se quando os vasos sanguíneos pulmonares tornam-se mais permeáveis, permitindo que o sangue ou a linfa saiam dos vasos e penetrem nos alvéolos. É causada por inúmeras condições diferentes – entre elas, infecções, traumas, politransfusão.

ALVEOLITE

Inflamação de cavidades ou de células conhecidas como alvéolos. Por exemplo: alvéolo dentário (cavidade óssea na qual repousa um dente).

ALZHEIMER, MAL DE OU DOENÇA DE

Degeneração anormal e lenta do cérebro que compromete a memória e as atividades cotidianas da pessoa afetada.

AMNÉSIA LACUNAR

Perda de memória por um período de tempo específico.

ANÁLISE CLÍNICA

Análise laboratorial de material (sangue, fezes, urina etc.) retirado de uma pessoa, com o objetivo de avaliar o seu estado geral ou diagnosticar uma doença. Ver Exames.

ANEMIA

Deficiência de glóbulos vermelhos no sangue ou de hemoglobina nos glóbulos vermelhos.

ANEURISMA

Dilatação anormal das paredes de veia ou artéria provocada por arteriosclerose.

ANGINA

Termo utilizado para descrever dor ou opressão na região torácica (peito). O termo também refere-se à inflamação aguda da garganta (angina estreptocócica).

ANGIOMA

Tumor geralmente benigno causado pela proliferação anormal de vasos sanguíneos.

ANGIOPLASTIA

Colocação de um stent em uma artéria que encontra-se obstruída ou quase obstruída.

ANOREXIA

Perda de apetite. Um dos distúrbios de alimentação, a anorexia nervosa é uma grave perda de apetite, que ocorre mais frequentemente em adolescentes do sexo feminino. Requer cuidados psiquiátricos.

ANTIBIOGRAMA

Ver Exame.

ANTIBIÓTICO

Medicamento utilizado no combate a infecções.

ANTÍGENO

Qualquer substância estranha ao organismo, como vírus, bactérias, pólen etc., que, após penetrar no corpo, estimula a formação de anticorpos.

AORTA

Maior artéria do organismo.

APARELHO DE VENTILAÇÃO MECÂNICA

Ver Respiração.

APÊNDICE CECAL

Saliência em forma de uma pequena bolsa, que se projeta do ceco (primeira parte do intestino grosso).

APENDICECTOMIA

Extirpação do apêndice.

APENDICITE

Inflamação do apêndice.

APENDICITE AGUDA

Evolução rápida de uma apendicite. Exige internação imediata do paciente para a realização de uma apendicectomia, que evitará uma apendicite perfurada.

APENDICITE PERFURADA

Ruptura do apêndice. É provocada pela apendicite aguda e causa peritonite (inflamação séria do revestimento abdominal).

ARRITMIA

Alteração ou ausência de ritmo. O termo geralmente é utilizado para designar uma perturbação no ritmo dos batimentos cardíacos (arritmia cardíaca).

ARTÉRIAS CORONÁRIAS

Ver Ilustração.

ARTERIOSCLEROSE

Endurecimento e perda de flexibilidade das artérias. Essa condição é causada pelo acúmulo de gordura nas paredes dos vasos sanguíneos.

ARTICULAÇÃO

Área de junção de dois ou mais ossos.

ARTRITE

Inflamação em articulação. Provoca dor, inchaço e dificuldade de movimentação. Suas causas podem ser variadas.

ARTRODESE

Procedimento que promove a fusão óssea em uma articulação.

ARTROSCOPIA

Exame do interior de uma articulação, com o auxílio de um instrumento (artroscópio) que permite a visualização dessa parte do corpo.

ARTROSE

Doença degenerativa em uma articulação.

ASCITE

Acúmulo de líquido na cavidade abdominal.

ASMA

Doença causada por inflamação das vias aéreas ou brônquios (tubos que levam o ar para dentro dos pulmões).

ATEROSCLEROSE

Aterosclerose das artérias maiores provocada por ateromas (alteração degenerativa das paredes dessas artérias em tecido gorduroso).

AUTOMATISMO MEDULAR

Perda da capacidade de contração voluntária dos músculos, que se caracteriza por contrações involuntárias.

A Agência Einstein utiliza cookies para melhorar a sua experiência.

Ao continuar navegando na nossa página, você autoriza o uso de cookies pelo site.